Para que terapia?

Atualmente, fazer terapia já não é mais visto como “coisa de louco”. Ainda bem.
Ainda assim, algumas pessoas ainda têm dúvidas e se perguntam: “Quando procurar um psicólogo?”.

 Às vezes foi indicado por um psiquiatra ou outra especialidade médica, pode estar em busca de autoconhecimento, ou querendo ajuda para uma situação difícil que vive. De qualquer forma, todos buscam o alívio de um sofrimento - causado por um sintoma.

Os sintomas podem se apresentar de diversas formas, como crises de ansiedade, insônia, cansaço, depressão, sentimento de angústia e medo, alterações de humor, entre diversos outros. Em suma, é tudo aquilo que altera o funcionamento do indivíduo em uma ou mais áreas da sua vida e o impede de levar uma vida saudável. (Lembrando que saudável não significa sem dificuldades ou problemas, mas sim que a pessoa tenha condições de lidar com conflitos e reestabelecer seu próprio equilíbrio).


Com a ajuda de um profissional preparado, o paciente pode identificar o ponto em que o fluxo “normal” da sua vida foi interrompido, para depois analisar e criar condições para que este fluxo volte a fluir.

Ao olhar para suas dificuldades, virtudes e necessidades, o indivíduo pode ampliar a consciência de si mesmo e dos fatos ao seu redor, expandindo sua autonomia e bem estar diário.